Livraria Lello de Portugal inaugura "drive-thru"


         Livraria Lello, Porto, Portugal (Foto: Livraria Lello)

A Livraria Lello, no Porto, em Portugal, que considero uma das mais belas do mundo, neste tempo de crise do Covid-19, inaugurou seu primeiro “drive-thru”. 

Diariamente, a livraria divulga um clássico da literatura, o cliente preenche um formulário online e um funcionário faz a entrega, sem custos, diretamente ao motorista no sistema "drive-thru".
                Graça Fonseca (Foto: Divulgação)

A iniciativa surgiu quando a ministra da cultura de Portugal, Graça Fonseca, sugeriu que neste tempo de isolamento social, as livrarias poderiam continuar abertas ao público, contribuindo para a sanidade mental da população.

Inaugurada em 1906, a livraria Lello, também ficou conhecida, quando a escritora inglesa J.K.Rowling afirmou que começou a escrever sobre Harry Potter, enquanto tomava café em uma das mesas no local.

Em 2016, a livraria devido ao grande número de turistas e visitantes, começou a cobrar dois euros  (R$12,00) para ingresso no local. Cada pessoa recebia um souvenir, um marcador de livros com o nome Lello. 

“Antes uma casa que cobra pela entrada do que uma casa fechada”, dizia o proprietário, Antero Braga. Agora devido ao Covid-19, a entrega de livros em veículos, foi a única forma encontrada por ele, para não fechar de vez, este que é um patrimônio histórico da cultural mundial. 

Antes, todos os dias, mais de 2 mil pessoas, circulavam pelas escadas vermelhas, e muitas tocando e sendo fotografadas junto as esculturas em madeira e estantes bizantinas com mais de 120 mil livros.

Serviço:
Livraria Lello
Rua das Carmelitas, 144. Porto. 
Compartilhe on Google Plus

Postado por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia