Club do Gourmet da PB realiza jantar da Cozinha da Península Itálica dia 4 de março

                      Itália  (Foto: Divulgação)

O Club do Gourmet da Paraíba, sob a coordenação do Maître Heleno Araújo está realizando dia 4 de março, quarta-feira, o jantar da COZINHA DA PENÍNSULA ITÁLICA, no Restaurante Palace Grill, em Tambaú, J.Pessoa. A execução técnica será do chefe de cozinha Welligton de Jesus.

 Henri Neto, Maître Heleno e Terezinha Araújo 
Foto: Rogério Almeida)


Antes do império romano que durou de 476 a.C. a 1552, a Itália era dominada por tribos guerreiras que sobreviviam da caça e da pesca e de um agricultura rudimentar.

De 480 a 547 viveu na Itália Frei Bento de Nurcia, décadas depois conhecido como São Bento. Ele administrava os monastérios formando frades e padres, sendo que os seminaristas lavravam a própria terra, cuidando também da pecuária, cujo leite produzia excelentes queijos. Eles cultivavam sua própria alimentação.

São Bento criou então o que chamamos hoje de banquete, que consistia em servir um prato de entrada, a base de verduras ou de creme de queijo, um prato principal a base de peixe ou de caças e uma sobremesa baseada em produtos lácteos, trigo e frutas regionais, acompanhado sempre de um bom vinho tinto

De 1526 a 1589, se destacou na cozinha dos conventos rurais, o frei Benedito, filho de etíopes, grande confessor da fé e devoto do menino Jesus. Ele era o cozinheiro dos conventos e monastérios onde trabalhava. E reutilizava a chamada cozinha de sobras, criando iguarias até então desconhecidas. O Trófeu São Benedito, criado em São Paulo, em 1970, para premiar cozinheiros e garçons, foi uma homenagem a esse santo cozinheiro.

A Itália possui uma das três melhores cozinhas do mundo, tronquificada em mais de 600 tipos de massas, caças e frutos dos mares. De vez que a península é uma extensa faixa de terra que avança mar adentro, cujos terrenos bafejados pelas chuvas dos mares, propicia o aparecimento de uma excelente agricultura de videiras, sendo notáveis as uvas BARBERA, DOLCETTO, BONARDA, BARBARESCO, SAN GIOVESSE, as quais produzem excelentes vinhos.

O cardápio da cozinha italiana pelo Club do Gourmet da PB será:

PRIMO PIATTI- Pesci al suco di pinafre lasagne etruscia polastro con formaggio afunicato - Que se traduz em peixe ao molho de espinafre e lazanha recheada com galo do campo, queijo defumado.

SECONDO PIATTI - Parmegiana e espaguetone atomatada - Significa um filé à milenesa, coberto com queijo réggio parmegiana, acompanhando de massa importada da China por Marco Polo no século XIII. O parmegiana foi criado em 1904, na ordem dos gourmets do Brasil, que era comandado pelo senador paulista Freitas Vale, na vila kirial, onde semanalmente os italianos de São Paulo realizavam banquetes nababescos.

TERZO PIATTI - Sobremesa baseada em creme de frutas, com especialidade da cozinha primitivista brasileira.

Será servido um tinto da uva Tannat, que contém a mais alta taxa de aguardente tânica, que se adequa ao menu dessa noite.

Na ocasião será prestada uma homenagem às confreiras pelo Dia Internacional da Mulher.


Maiores informações para participar do Club do Gourmet e deste evento: 

Tel: 83- 988558968 - 83 988283869




Compartilhe on Google Plus

Postado por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia