Égua da Polícia Militar morre atingida por descarga elétrica na Beira Mar, em Fortaleza

O corpo do animal foi removido por volta das 7h e conduzido para o médico veterinário.

Uma égua que participava do patrulhamento ostensivo na Avenida Beira Mar, em Fortaleza, morreu ao ser atingida por uma descarga elétrica. Conforme a Polícia Militar do Ceará, a ocorrência foi registrada por volta das 5h desta quarta-feira 1º de janeiro.

O animal integrava uma composição do Regimento de Polícia Montada (RPMont) que patrulhava nas proximidades da Estátua de Iracema.

Em nota, a Polícia Militar informou que "diante da situação, a equipe de policiais militares ainda tentou fazer os primeiros socorros no animal, mas a égua estava energizada e foi necessário solicitar a presença da Enel (Companhia de Energia Elétrica), para desligar a corrente elétrica".

Nenhum policial militar da composição ficou ferido.

A Sociedade Protetora Ambiental no Ceará classificou a morte do animal como uma "triste notícia" e solicitou por meio de nota que o Ministério Público "faça o seu dever constitucional para abertura de procedimento investigatório" para apuração o caso e que "puna com o rigor da lei os autores desse crime".

"Aos envolvidos: PM, DPMA, Enel, PMF, a sociedade e especialmente nós, da Sociedade Protetora Ambiental, esperamos, encarecidamente, mais esclarecimentos sobre o acontecido. Além da postura dos órgãos oficiais no sentido de que tragédias como essa nunca mais ocorra, por falta de cuidado e negligência."
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia