McLaren 720S GT3 faz sua estreia em Abu Dhabi





A McLaren Automotive confirmou um time de estrelas para a estreia do modelo de corrida 720S GT3 nas 12 Horas do Golfo, em Abu Dhabi, dia 15 de dezembro. Alinharão o piloto da McLaren Automotive Factory, Ben Barnicoat (Grã-Bretanha), acompanhado por Álvaro Parente (Portugal) e Shane van Gisbergen (Nova Zelândia).

O trio ostenta um pedigree impecável. Parente e van Gisbergen possuem status Platina (o mais alto disponível) no sistema de classificação de pilotos da FIA, enquanto Barnicoat é classificado como Ouro. Com uma formação tão forte, o carro da equipe de fábrica - inscrito pela McLaren Customer Racing com o número 5 - tem uma perspectiva empolgante para as 12 Horas do Golfo. Em sua oitava edição, o evento terá um grid de mais de 30 carros GT3 e GT4 disputando uma corrida de duas partes, cada uma com seis horas de duração, no circuito de 5,554 km de Yas Marina − o mesmo no qual é disputado o Grande Prêmio de Abu Dhabi de Fórmula 1.

Como piloto de fábrica da McLaren Automotive, Barnicoat, de 21 anos, lidera a equipe de três tripulantes com extensa quilometragem percorrida no novo modelo Super Series GT3 durante o rigoroso programa de desenvolvimento. A corrida também marca a estreia do jovem britânico nas 12 Horas do Golfo, mas Barnicoat traz uma rica experiência em corridas de endurance nas últimas temporadas: disputou as 10 Horas de Suzuka (Japão), as 12 Horas de Bathurst (Austrália) e o campeonato Blancpain Endurance Series, que inclui as 24 Horas de Spa-Francorchamps (Bélgica).

A confirmação de Parente e van Gisbergen reúne dois dos nomes mais expressivos das corridas de GT3. Eles têm uma vasta experiência ao volante de vários modelos McLaren e ambos tiveram um sucesso significativo com a marca nas últimas temporadas. A dupla garantiu vitórias em corridas e campeonatos na Europa, América do Norte e Austrália, sendo o resultado mais notável em 2016 nas 12 Horas de Bathurst: pole position, o recorde de volta e vitória na classificação geral.

Álvaro Parente, de 34 anos, volta a correr em uma McLaren após várias temporadas com a marca na Europa, Austrália e América do Norte. O piloto português disputou as 12 Horas do Golfo em 2014, garantindo um pódio com o 650S GT3 na sua estreia, e passou a ter um sucesso significativo no cenário mundial no mais alto nível com o carro, incluindo uma temporada dominante no campeonato Pirelli World Challenge. Desafio no qual ele garantiu os títulos de piloto, equipe e fabricante em 2016.

Nascido em Auckland, na Nova Zelândia, mesma cidade do fundador da McLaren, Bruce McLaren, Shane van Gisbergen traz ainda mais vitórias em uma série de campeonatos, principalmente de GT3 e do V8 Supercars. Van Gisbergen correu pela McLaren pela primeira vez na temporada de 2014 e venceu o Blancpain GT Series Endurance Cup em 2016, no mesmo ano em que conquistou o título do Internacional V8 Supercars. Como Barnicoat, o neozelandês de 29 anos correrá nas 12 Horas do Golfo pela primeira vez.

“As 12 Horas do Golfo são um teste rigoroso para o carro, mas com a quilometragem de desenvolvimento que acumulamos e com nossa fantástica equipe de pilotos, poderemos avaliar o potencial do novo McLaren 720S GT3. Estamos confiantes de que colocamos o novo carro em um programa de desenvolvimento abrangente, com o piloto líder Ben Barnicoat assumindo um papel fundamental no processo. Correndo com Álvaro Parente e Shane van Gisbergen, dois excelentes pilotos que têm uma extensa experiência em corridas de GT com carros da McLaren, deverá ser uma estreia interessante para o carro.” − Dan Walmsley, Diretor de Motorsport da McLaren Automotive

A participação da McLaren Automotive nas 12 Horas do Golfo acontece quando o 720S GT3 continua a progredir por meio de um intensivo programa de testes e desenvolvimento. Os protótipos de desenvolvimento do primeiro carro projetado e construído pelo departamento de motorsport da McLaren Automotive completaram testes em circuitos em toda a Europa e, mais recentemente, no Oriente Médio. Trabalhando extensivamente com a parceira de pneus Pirelli em uma variedade de condições climáticas, a equipe de desenvolvimento simulou as distâncias das corridas de curta e longa duração e reuniu níveis significativos de dados para otimizar o desempenho e a configuração.

A corrida de estreia do 720S GT3 acontece logo depois sua primeira aparição pública, no recente Festival de GT de Bahrein. Como um ambiente de corrida ao vivo e contra um dos grids mais competitivos da história do evento, este último teste no circuito de Yas Marina o exigente para o carro até o momento.

As 12 Horas do Golfo acontecem no Circuito Yas Marina, em Abu Dhabi, com a primeira parte da corrida começando às 9:00 locais (3:00 no horário de Brasília) no sábado, 15 de dezembro, e a segunda parte da corrida a partir das 17:45 locais (11:45 de Brasília) no mesmo dia.
Compartilhe on Google Plus

Postado por Mario Pinho

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia