Saques em poupança superaram depósitos pela 1ª vez em 8 meses



Dados referentes a outubro. 
Houve saque líquido de R$ 2,5 bi

Sérgio Lima/Poder360

Os saques na caderneta de poupança superaram os depósitos em R$ 2,533 bilhões em outubro. É a 1ª vez que isso ocorre desde fevereiro, quando houve retirada líquida de R$ 708 milhões.

Os depósitos somaram R$ 194,435 bilhões no mês passado. Os saques fecharam em R$ 196,968 bilhões. O Banco Central divulgou os dados nesta 4ª feira (7.nov.2018).


Contabilizado o rendimento de R$ 2,95 bilhões no mês, o total de recursos depositados na poupança no final de outubro estava em R$ 776,192 bilhões.

No acumulado dos primeiros 10 meses do ano, a captação está positiva em R$ 22,968 bilhões, resultado de R$ 1,835 trilhão em aportes e R$ 1,812 trilhão em retiradas.

A remuneração da poupança é composta pela TR (Taxa Referencial) mais 70% da Selic, taxa básica de juros da economia brasileira, que está em 6,5% ao ano. A regra entra em vigor sempre que a Selic estiver abaixo de 8,5% ao ano. Quando a taxa está acima desse patamar, a poupança é remunerada por TR mais 0,5% ao mês.
Compartilhe on Google Plus

Postado por Redação Fácil

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia