Ceará ultrapassa médias do Nordeste e do Brasil em Leitura, Escrita e Matemática

Foto: Divulgação Seduc

O Ceará superou a média brasileira em Leitura, Escrita e Matemática das crianças que estavam matriculadas no 3º ano do ensino fundamental da rede pública. Além disso, o Estado obteve os melhores resultados do Nordeste. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) nesta quarta-feira (25), com base nos resultados finais da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) 2016. 

Na escala de Escrita, o Ceará tem 70,7% das crianças no nível suficiente. Em 2014, esse número era de 61%. No Nordeste, o Estado ocupa o primeiro lugar. Em segundo, está o Rio Grande do Norte (59,16%) e, em terceiro, Pernambuco (48,19%). Conforme a avaliação realizada em 2016, a Região ficou com 49,1% e o Brasil, 66,15%. 

Em relação às competências de Leitura, por exemplo, 54,76% dos alunos cearenses estão em condições consideradas adequadas. O Nordeste alcançou 30,85% e o Brasil 45,27%. O governador Camilo Santana e o secretário da Educação, Idilvan Alencar, acompanharam a divulgação, em Brasília. "O Ceará está acima da média brasileira. Isso é resultado do esforço de municípios, diretores, professores e alunos; de uma pactuação que foi construída no Ceará e que está trazendo resultados importantes", comemorou o governador. E continuou: "É um orgulho para nós, cearenses, mas é claro que vamos avançar cada vez mais". 

Em Matemática, o Ceará apresenta um percentual de 51,72% de crianças em uma situação adequada. Em 2014, o percentual era de 49%. Neste mesmo nível, em 2016, o Nordeste está com 30,54%, enquanto o Brasil com 45,53%. 

O Ceará é o primeiro estado nordestino no Nível 4 de Matemática, com 31,28%. Em segundo lugar está Pernambuco (16,7%), seguido do Piauí (13,34%).
Compartilhe on Google Plus

Escrito por Equipe Redação

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia