Museu da Fotografia de Fortaleza (MFF) exibe Menina Afegã


                             Menina Afegã (Foto: Steve McCurry/Divulgação)
Inaugurado em março,  o Museu da Fotografia  de Fortaleza (MFF), no Ceará, está sendo uma das novas atrações turísticas e culturais da cidade.
O museu reúne  440 das mais de 2 mil imagens, em mais de dois séculos de fotografia, colecionadas pelo casal de empresários cearenses Paula-Sílvio Frota.
Estão sendo realizadas quatro exposições, divididas nos três andares do prédio de 2.500 m2 e  projetado pelo arquiteto Marcus Novais. 
Um dos destaques é a fotografia que estampou a capa da Revista National Geographic  em 1985,  levando ao mundo o olhar da menina afegã Sharbat Gula  que perdeu os pais durante a invasão soviética ao Afeganistão. 
Esta icônica foto possui 25 originais pelo mundo e  uma delas foi o primeiro item comprado há nove anos, pelo casal cearense Paula-Sílvio Frota, durante uma exposição de Steve McCurry em Houston, Texas.  
A foto também mudou o rumo da Coleção Paula- Silvio Frota, que até então era focada em pintura.
Em exibição estão os maiores nome da fotografia no Brasil e do mundo como Henri Cartier-Bresson , Otto Stupakoff , Sebastião Salgado, além do fotógrafo cearense  Chico Albuquerque que retratou os bastidores do filme de Orson Welles, rodado em Fortaleza (Foto )  
Chico Albuquerque (1917-2000) ganhou uma sala especial no ano em que o seu centenário de nascimento é comemorado. Em É tudo verdade – Chico Albuquerque e Orson Welles, o visitante pode ver o encontro entre o cearense e o cineasta norte-americano, durante a gravação do filme É tudo verdade, em 1942. Neste espaço, há ainda um vídeo com entrevistas gravadas com o fotógrafo. 

Documentário foi gravado a partir de cenas descartadas do diretor Orson Welles (Foto: Divulgação)Gravação do filme de Orson Welles
(Foto: Chico Albuquerque/Reprodução)









O objetivo do Museu, segundo  Silvio Frota, é aproximar as pessoas da fotografia, mesmo aquelas que não têm intimidade com a arte.
E por isso ele contratou o curador Ivo Mesquita (ex- Pinacoteca de São Paulo) que foi o responsável em reunir os conjuntos de fotos históricas, fotoreportagens, arquivos fotográficos, cinceclubismo, retratos, paisagens, crônicas visuais que estão em exibição.
Queríamos dar um presente para a cidade, para os profissionais da fotografia, porque eles são injustiçados. As fotos foram consideradas os primos pobres da pintura"
Sílvio Frota, colecionador






Paula e Sílvio Frota, proprietários do Museu de Fotografia de Fortaleza
Foto: Divulgação 
O primeiro andar do prédio terá o revezamento de exposições temporárias com mais de duas mil fotografias da coleção que abrange 200 anos de história.  No momento exibe  Imaginário de cidades, retratos de meninos e meninas de Aleppo, atingidas pelos conflitos na Síria. 
Nos outros dois andares, o visitante irá conhecer as exposições permanentes, sendo o último piso dedicado às imagens do Norte e Nordeste brasileiros. O espaço conta também com auditório para palestras e oficinas, livraria temática e café.
Você olha para um lado e encontra "O Homem Caído " (1936), do húngaro  Robert Cappa. Em outra parede, Che Guevara, Frida Kahlo, Igor Stravinsky e Richard Avedon.
Segundo Silvio Frota, o Museu da Fotografia é um "presente" para cidade, para os fotógrafos e para a valorização do segmento artístico. 
Museu da Fotografia de Fortaleza, na Rua Frederico Borges, será inaugurado em 11 de março (Foto: Celso Oliveira/Divulgação)Museu da Fotografia de Fortaleza, na Rua Frederico Borges. (Foto: Celso Oliveira/Divulgação)











"Contratamos um educador para levar o Museu às comunidades e as comunidades para dentro do Museu. Vamos dar cursos pra eles, eles vão fazer exposição dentro da comunidade e depois vamos trazer os melhores para uma exposição." afirmou o proprietário do museu
Em uma segunda etapa, conta o colecionador, ainda sem data definida, as imagens estarão disponíveis para a população do interior do Ceará. 
 "Não era justo eu ter uma coleção dessas e ninguém ter acesso. Tem fotos que eu sei que as pessoas têm, mas eu não tenho acesso, não acho justo, a foto tem que ser disseminada. Nós começamos o museu por aí, pensando no espaço para as pessoas terem acesso,"concluiu Frota.
Serviço:
Museu da Fotografia de Fortaleza
Rua Frederico Borges, 545, Varjota, Fortaleza – CE Entrada: R$ 10 (grátis ás quartas-feiras. Visitação: de quarta sábado, das 12h às 17h.www.museudafotografia.com.br

Compartilhe on Google Plus

Escrito por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia