Mercado de computadores volta a crescer em 2017

Foto: Windows divulgação

O mercado brasileiro de computadores voltou a crescer no primeiro trimestre de 2017 após cinco anos de resultados negativos, mostra um estudo da empresa de consultoria IDC. Entre janeiro e março, foram vendidas 1,1 milhão de máquinas - 5% a mais que no mesmo período de 2016. 

O crescimento não era registrado desde 2012. Os dados mostram que, do total de aparelhos vendidos no primeiro trimestre, 405 mil unidades foram desktops e 701 mil notebooks. Os computadores destinados ao consumidor representam 65% do total, enquanto o segmento corporativo foi responsável pela compra de 35% das máquinas. 

Ainda segundo o estudo, o preço médio nos três primeiros meses desse ano foi de R$ 2.141, 22% menor em relação ao registrado no primeiro trimestre de 2016 (R$ 2.750). Para a empresa, a redução, motivada principalmente pela queda do dólar, foi decisiva para o crescimento do mercado. 

Até o fim de 2017, devem ser vendidos 4,5 milhões de computadores - 1,6 milhão de desktops e 2,9 milhões de notebooks -, de acordo com previsão da IDC. 

O resultado representaria uma receita de receita de R$ 9,6 bilhões e crescimento leve de 1,2% na comparação com 2016.
Compartilhe on Google Plus

Escrito por Equipe Redação

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia