Exportação de carnes cai 19% após Operação Carne Fraca

Foto: Gado e Cia
O ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic) informou nesta segunda-feira (27) que o valor médio diário das exportação de carnes pelo Brasil caiu de US$ 62,2 milhões, na semana anterior à Operação Carne Fraca, para US$ 50,5 milhões, na semana passada, após a deflagração dela. 

A queda foi de 19%. Deflagrada no último dia 17 pela Polícia Federal, a operação investiga o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura em um esquema de liberação de licenças para frigoríficos sem a devida fiscalização, em troca de propina. Investiga também irregularidades como a venda, no Brasil e no exterior, de carne estragada e vencida. 

Desde que as às investigações vieram a público, alguns países compradores da carne brasileira anunciaram restrições à importação, o que levou à queda no valor diário das exportações. A China, por exemplo, maior comprador da carne brasileira em 2016, suspendeu as importações, mas já retomou as compras. Hong Kong, segundo maior comprador de carne do país, foi outro que restringiu as importações - decisão mantida até o momento. 

O Ministério da Agricultura também suspendeu a licença de exportação dos 21 frigoríficos investigados pela Polícia Federal na operação. Seis deles foram ainda interditados. 

Nesta segunda, o Mdic também divulgou o resultado da balança comercial da quarta semana de março. Segundo o governo, no total, o Brasil exportou US$ 4,453 bilhões e importou US$ 2,851 bilhões na semana passada, resultando em superávit de US$ 1,602 bilhão.
Compartilhe on Google Plus

Escrito por Equipe Redação

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia