Rei Felipe VI inaugura ano letivo dos cursos universitários da Espanha



 Rei Felipe VI da Espanha e  Reitor da Universidade de Extremadura , Segundo Píriz  / Twitter ‏@CasaReal
Com barba branca e acompanhado do Reitor da Universidade da Extremadura, Segundo Píriz, o rei Felipe VI inaugurou o ano letivo acadêmico 2016/2017 de todos os centros universitários da Espanha.
Apertura del Curso Universitario 2016/2017 en la Universidad de Extremadura / Twitter ‏@CasaReal
A cerimônia aconteceu no salão de atos da Faculdade de Direito da Universidade da Extremadura (UEx), campus de Cáceres. Presentes o Ministro da Educação, em exercício da Espanha, Ínigo Méndez de Vigo, o presidente da Junta da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, entre outros.
Para assistir ao evento, foram sorteados 80 (oitenta lugares) entre professores, alunos e a comunidade. Ano passado a inauguração do ano letivo aconteceu na Universidade de Múrcia,que estava completando cem anos de fundação.
Segundo o reitor da Universidade da Extremadura (UEx) e presidente da Conferência de Reitores das Universidades Espanholas (CRUE), Segundo Píriz, «Esta é a terceira visita à região da Extremadura realizada por Don Felipe como rei, depois que veio em 2014 participar da feira agropecuária de Zafra, e no mesmo ano fez uma visita ao monastério de Yuste para fazer a entrega dos prêmios Carlos V.

Em seu discurso o Reitor da Universidade da Extremadura informou que 47% dos jovens espanhóis de menos de 25 anos não possuem emprego e esta percentagem cai para 34% entre os que possuem curso universitário.
O rei Felipe VI destacou que a universidade não deve se limitar somente a formar profissionais com elevadas competências e a gerar conhecimentos especializados, mas  "ajudar aos jovens a saber analisar e debater, a trabalhar em equipe, a argumentar, e a ter um espírito crítico, mas construtivo " e,  em definitivo, "a formar pessoas íntegras, com os mais altos valores de cidadania e humanidade " e "profissionais chamados a contribuir para o bem comum e ao interesse geral com uma responsabilidade especial".
Compartilhe on Google Plus

Postado por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia