Artesãos alagoanos comercializam mais de R$ 80 mil nos primeiros dias da Fenearte

Produção artesanal ganhou destaque na maior feira da América Latina; Evento segue até o dia 17 de julho, em Pernambuco.

Além do estande, obras de artesãos alagoanos compõem outros espaços de comercialização na feira

As peças do artesanato alagoano têm se destacado durante a 17ª Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte), atingindo a marca de R$ 82.431 mil comercializados até o último domingo (10). O evento segue até o dia 17 de julho, no Centro de Convenções, em Olinda.

Com exposição de produtos como a renda filé, bordados, fibra da bananeira, amor caseado e esculturas em barro e madeira, os artesãos comercializam suas peças no estande disponibilizado pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), coordenado em Alagoas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo.

Além do estande, obras de artesãos alagoanos compõem outros espaços de comercialização na feira, como o Espaço Interferência Janete Costa, elaborado com peças de André da Marinheira, Mestre Sil e Mestre Zezinho, e a Loja Brasil Original, do Sebrae.
“Alagoas está presente desde a cenografia, que utiliza peças do Mestre Zezinho, até o estande diferenciado dos outros estados, especialmente criado para mostrar de maneira eficiente os produtos artesanais e valorizar o trabalho dos artesãos. Temos, também, o espaço Janete costa, 90% decorado com peças alagoanas. Este ano nós somos, sem dúvida, o destaque”, afirma a gerente de Design e Artesanato da Sedetur, Daniela Vasconcelos.

A Feira 

Considerada a maior feira de artesanato da América Latina, a Fenearte representa, atualmente, uma das principais oportunidades de divulgação das peças produzidas em Alagoas. Nesta edição, o número de público no evento já chegou a 100 mil pessoas.

Com destaque para a produção e comercialização dos produtos, o encontro promove, ainda, a interação com outros setores econômicos. Além dos artesãos, participam da feira fornecedores de matéria-prima utilizada na produção, lojistas, representantes internacionais e expositores de todos os estados brasileiros. 

Compartilhe on Google Plus

Escrito por Mario Pinho

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia