Sertões 2020 tem nova data: largada em 31 de outubro e chegada em 8 de novembro

O impacto da logística das eleições nas estradas e na cidade de chegada impõe a mudança de data. O Sertões vai largar de São Paulo dia 31/10 para chegar na Vila Preá (CE) em 08/11.


A mudança de data é um reflexo do novo calendário eleitoral. Com o primeiro turno da eleição municipal confirmado para o dia 15 de novembro, sérias questões logísticas conectadas com as eleições obrigaram essa nova mudança no calendário do Sertões. A data anterior era de 7 a 15/11.

Entre estas questões, estão a logística do transporte das urnas eletrônicas, que pode ocupar estradas reservadas para algumas das especiais, trechos cronometrados, da prova. Outro fator relevante é o impacto da presença da caravana Sertões, de quase 2 mil pessoas, em duas cidades pequenas no final de semana da eleição - os municípios cearenses de Cruz (Preá) e Jijoca (Jericoacoara) -, local da chegada, que causaria dificuldades extras para as pessoas que votam nestes locais. Finalmente, a logística para a volta das pessoas que precisam votar em seus domicílios após a prova também ficaria comprometida.

Os competidores estão ansiosos para acelerar e sentir novas emoções - foto: Donizete Castilho

Para o CEO da Dunas, Joaquim Monteiro, a antecipação do Sertões 2020 para o final de outubro atende a ansiedade dos nossos pilotos, navegadores e equipes, que não veem a hora de voltar a competir. A nova data não compromete em nada o protocolo de segurança sanitária que o Sertões estabeleceu para proteger a saúde dos organizadores, competidores e sobretudo da população das cidades por onde a prova irá passar.

SOBRE O SERTÕES

A Vila Preá, no município de Cruz, zona Norte do Ceará, é o local de chegada do Sertões 2020

No ano da sua 28ª edição, o Sertões segue trazendo novidades. Projeta o futuro em três dimensões: Esporte, Social e Turismo. O lado competitivo da prova evolui com novos desafios de navegação, velocidade e tecnologia e agora com uma competição virtual. O lado Social, também conhecido pelo trabalho do S.A.S. (Saúde e Alegria nos Sertões), praticamente dobra a sua capacidade de atendimento das populações sertanejas por onde o Sertões passa. Cidades remotas com população carente. 

O SAS ampliou muito o seu escopo em tempos de pandemia atuando nas grandes comunidades do Rio de Janeiro e de São Paulo. Com técnicas de telemedicina, o projeto social cresce ao ponto de poder atender até 40.000 pessoas com consultas remotas. Finalmente: a dimensão turística. O Sertões mostra lugares que pouca gente conhece e agora tem uma estrutura capaz de levar turistas para acompanhar a prova e todas as atrações do entorno. Quando a pandemia passar, os expedicionários do Sertões poderão escolher suas viagens em um cardápio com mais de 15 opções diferentes oferecido por nove empresas homologadas. Mais ainda, as “expedições Sertões” são agora uma opção de viagens aberta o ano inteiro.

Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO PINHO

0 Comments:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia