Caoa Chery terá Tiggo 8 e Arrizo 6 ainda este ano, mas SUV de luxo atrasa

Na China o sedã é vendido como Arrizo GX Divulgação/Chery

Empresa retoma operações da fábrica de Jacareí (SP) e seguirá com preparação de dois dos três novos lançamentos prometidos para este ano.

A Caoa Chery anunciou a retomada de suas operações na fábrica de Jacareí (SP) a partir desta segunda-feira (1º). A empresa estava com a produção parada desde 23 de março, devido à pandemia do novo coronavírus. Lá são montados os compactos Tiggo 2 e Arrizo 5.

Em comunicado, a marca afirmou que a retomada das atividades da unidade representa também a preparação para o lançamento de dois veículos para o Brasil neste ano.

Como QUATRO RODAS já havia adiantado, os novos modelos serão o Arrizo 6 e o Tiggo 8. Um terceiro produto, o SUV de luxo Exeed LX, que também estava previsto para 2020, deverá ter o lançamento adiado para 2021.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE


O sedã médio Arrizo 6 será produzido em Jacareí (SP) e tem por objetivo surpreender os já consolidados Chevrolet Cruze, Honda Civic e Toyota Corolla – este último, líder de vendas na categoria.

Para bater de frente com os rivais, a principal aposta da marca chinesa está nas dimensões do modelo. São 4,71 m de comprimento, 1,82 m de largura, entre-eixos de 2,67 m e generoso porta-malas 570 litros.Interior tem iluminação ambiente e quadro de instrumentos digital Divulgação/Chery

Isso dá ao sedã médio as maiores medidas da categoria, com exceção do entre-eixos.

O cofre do motor guardará o conhecido 1.5 turbo flex de 147 cv e 21,4 kgfm que equipa Tiggo 5X e 7. Só que, no caso do sedã, ele será combinado ao câmbio CVT de nove marchas simuladas já usado pelo Arrizo 5.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Além disso, o modelo também contará com central multimídia de 9 polegadas com projeção de celulares via Android Auto e Apply CarPlay.

De série, ele carregará ainda seis airbags, sistema start-stop e câmera de 360º para auxiliar em manobras.
Tiggo 8 será o maior carro da Caoa Chery Divulgação/Chery

O Tiggo 8, SUV de sete lugares da marca, é o outro modelo que será lançado este ano. No entanto, sua fabricação acontecerá no complexo de Anápolis (GO), onde também são montados Tiggo 5x e Tiggo 7.

O modelo terá 4,7 m de comprimento; 1,86 m de largura; 1,74 m de altura; 2,71 m entre-eixos; e porta-malas de 892 litros – que chega até 1.932 litros com os dois assentos extras rebatidos.

Sob o capô, a principal novidade. O modelo deverá estrear no Brasil o motor de quatro-cilindros de 197 cv e 29,5 kgfm de torque combinado com uma transmissão de dupla embreagem de sete velocidade – presente na gama do Tiggo 8 na China.

– Divulgação/Chery

Para o mercado nacional o propulsor deve receber uma preparação para tornar-se flex, o que faria o motor render 200 cv e 30 kgfm.

Ainda não se sabe se este será o único conjunto motriz oferecido no modelo, ou se haverá versões mais baratas que carreguem o motor 1.5 (citado acima).

Outra novidade será o sistema de entretenimento com reconhecimento facial, herdado do SUV Exeed LX.

Exeed LX pode ser o primeiro modelo de submarca de luxo da Chery no Brasil Divulgação/Chery

Falando nele, o SUV de luxo era mais uma das promessas da empresa aguardadas para este ano.

Porém, a Caoa Chery não passou nenhuma informação sobre a chegada de um terceiro novo modelo em seu último comunicado, dando a entender que seu lançamento ficará para o próximo ano.

O veículo foi registrado no Brasil ainda no ano passado e tem por objetivo concorrer com marcas de luxo, como BMW e Mercedes.

O SUV é baseado no Tiggo 7, compartilhando a plataforma T1X e também peças da carroceria. No entanto, mantém balanço dianteiro e traseiro diferentes, além da mecânica herdada do Tiggo 8.

O acabamento interno é mais sofisticado e composto por couro e peças que lembram madeira. Duas telas alinhadas de 12,3 polegadas são destinadas ao painel de instrumentos e à central multimídia – como nos Mercedes mais recentes.

O quadro de instrumentos ainda pode trabalhar em realidade aumentada para dar instruções de navegação ao condutor.

Interior tem acabamento refinado e duas telas de 12,3 polegadas Divulgação/Chery

O SUV possui mesmo motor e transmissão do Tiggo 8, mas esqueça a alavanca de câmbio interna, já que foi substituída por um seletor horizontal.

Suas dimensões são: 4,53 m de comprimento; 1,85 m de largura; 1,70 m de altura; e 2,67 m de entre-eixos. O modelo é apenas 3 cm mais longo e 2 cm mais largo que o Tiggo 7, e possui mesmo entre-eixos.
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia