Hotel de Gramado atinge lotação máxima permitida por decreto

Movimentação intensa foi registrada neste final de semana nas ruas centrais da cidade.
Movimentação no Centro de Gramado Foto: Mônica Pereira/GES especial

O Final de Semana foi de movimento intenso em Gramado. 

Turistas e visitantes aproveitaram os dias de sol e as temperaturas baixas para passear pelas ruas e visitar os parques da cidade. Há duas semanas, a Prefeitura publicou decreto permitindo a reabertura gradual da Rede Hoteleira e também dos Parques e Museus. 

De acordo com o gerente de um hotel no Centro, que preferiu não se identificar, dos 128 apartamentos do empreendimento, de sábado (16) para o domingo (17), houve uma ocupação de 50%, a máxima permitida no município. Os aproximadamente 130 hóspedes se deslocaram, em sua maioria, de carro e são do Rio Grande do Sul, mas há alguns de outros estados como Santa Catarina e Paraná.

"Achamos que teríamos uma ocupação de cerca de 45 ou 50 apartamentos, mas estávamos preparados e esperando a ocupação Máxima permitida. Na semana passada, ficamos abaixo do esperado, ocupando uns 20 apartamentos. Eu acho que depois que se divulgou que a cidade "abriu" e as pessoas tiveram a informação que os parques e mais restaurantes estavam abertos, decidiram vir neste final de semana para cá"

Cerca de 20 funcionários estão trabalhando atualmente no local.

 "Estamos seguindo bem à risca o decreto. Os hóspedes que estão chegando eles mesmos estão estacionando seus carros, levando a bagagem para o apartamento e isso facilitou para a gente. A limpeza dos quartos também têm muitos hóspedes que não querem"

Ainda, segundo o Gerente, os Hóspedes deste Final de Semana já eram frequentadores da cidade e estão acostumados a visitar a Serra Gaúcha. 

Confira imagens da movimentação do Centro de Gramado, na manhã deste domingo. 

Movimentação no Centro de Gramado Foto: Mônica Pereira

Movimentação no Centro de Gramado Foto: Mônica Pereira
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia