Diário de Pernambuco deixa de circular em edição impressa




    Diário de Pernambuco (Foto: Prefeitura/Recife)

O Diario de Pernambuco, o mais antigo periódico da América Latina e fundado em 7 de novembro de 1825, pelo tipógrafo Antonio José de Miranda Falcao, não resistiu a modernidade e a partir de quinta-feira (14/05/20), deixa de circular em sua edição impressa.

A direção do Grupo Diário de Pernambuco enviou mensagem aos leitores, mercado publicitário, anunciantes e ao público em geral. E informa que tão logo a situação da pandemia seja controlada, poderá retomar a circulação do impresso.

Segue a mensagem:




Fonte: Blog do Magno e Diario de Pernambuco


Compartilhe on Google Plus

Postado por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia