Casos de Covid-19 no Brasil ultrapassam 60.000



Segundo as últimas notícias do Ministério da Saúde do Brasil, no domingo (26), aumentou em 3.379 o número de pessoas infectadas com a pneumonia causada pelo novo coronavírus.

Com o aumento o número total de casos diagnosticados passou para 61.888, com 4205 mortes, e a taxa de mortalidade por Covid-19 no Brasil está em 6,8%. Os estados brasileiros mais atingidos pelo surto são: São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco e Amazônia.

No Distrito Federal, a Secretária de Saúde, a partir desta segunda-feira, ampliará o número de postos para realização de testes de diagnósticos. Para evitar aglomerações os postos irão atender após marcação de consulta, que deverá ser realizada via internet.

A Secretária de Saúde do Distrito Federal informou que nos últimos quatro dias realizou 12.617 testes rápidos, e que por isso foi possível identificar 128 novos casos.

O governo de São Paulo, o estado mais atingido, utiliza seu site oficial para manter a população informada sobre a Covid-19, além de ter criado um grupo no Telegram para atualizações sobre a doença e contato direto com a população.

No dia 13 de abril foram contratados no estado de São Paulo 1.185 profissionais de saúde, incluindo enfermeiros e fisioterapeutas, que deverão atuar a partir de 1º de maio.

No dia 8 de abril a Organização Pan-Americana da Saúde do Brasil republicou orientações da Organização Mundial de Saúde, enfatizando a importância do uso de máscaras.

Grande parte dos brasileiros ainda não tem acesso às máscaras cirúrgicas, e por isso tem utilizado máscaras caseiras de pano.

O vice-diretor da OPAS do Brasil, Jarbas Barbosa, em uma coletiva do dia 7 de abril, alertou sobre a importância de analisar a ciência por trás de uma recomendação.

Barbosa enfatizou que não há evidências cientificas de que o uso de máscaras de pano reduzirá a velocidade de transmissão da pneumonia causada pelo novo coronavírus.

Ele acrescentou que, quando outros países também adotarem o uso de máscaras de pano, será possível realizar um estudo que mostre o efeito da medida.

O Ministério da Saúde do Brasil divulgou no dia 12 de março que acrescentaria 2.000 leitos de terapia intensiva em todo o país, no entanto, até o dia 24 de abril, apenas 350 leitos foram adicionados.

Juntamente com a implementação de medidas de quarentena domiciliar em todo o Brasil há mais de um mês, o governo e o povo estão enfrentando grande pressão econômica.

Alguns estados e cidades relaxaram gradualmente as medidas de quarentena para retomar as atividades comerciais, e a taxa de quarentena domiciliar foi reduzida em todos os estados.

Recentemente, a taxa de câmbio do real, a moeda brasileira, continua em queda, atingindo atualmente 5,59 reais por dólar.
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia