GAA conclui limpeza de recentes manchas de óleo no litoral cearense

Praia de Paracuru-CE

Desde o início do aparecimento das manchas de óleo, foram coletados mais de 5 mil toneladas de resíduos, incluindo areia e materiais que auxiliam a recolha.

Algumas manchas de óleo apareceram no litoral cearense no final de 2019. De acordo com o Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), formado pela Marinha do Brasil, Agência Nacional de Petróleo e Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), militares já fizeram a limpeza no local.

Os resíduos foram encontrados em Caetano de Cima, em Amontada, e na Praia de Apiques, em Itapipoca. O Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira (IEAPM) está com amostras das manchas de óleo para verifica o tipo de material encontrado.

Até o momento, foram coletados mais de 5 mil toneladas de resíduos no litoral das regiões Nordeste e Sudeste. A contagem não inclui somente óleo, mas também é composta por areia, lonas e outros materiais utilizados para a recolha do óleo.

Segundo o Governo do Ceará, devido ao monitoramento feito pela Marinha do Brasil e pelo Ibama, não são mais perceptíveis as manchas de óleo na maioria das áreas de praias e manguezais do litoral do estado.
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia