5 benefícios de uma boa plataforma de e-commerce


Por Rafael Martins*

Um dos principais fatores para alcançar sucesso no setor de varejo digital é ter uma plataforma de e-commerce bem estruturada. Prova desta afirmação são os resultados registrados a cada ano no Brasil e no mundo, que só corroboram com as boas perspectivas.

Só para se ter uma ideia, o setor de e-commerce registrou um faturamento de R$ 35 bilhões no primeiro semestre de 2019, segundo a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico). O valor representa um crescimento de 16% em relação ao mesmo período no ano anterior.

Avaliando este cenário, a plataforma de e-commerce desempenha um papel decisivo no sucesso ou fracasso de uma loja online. Quando totalmente funcional e integrada, garante o pleno funcionamento das lojas online. Por isso, basta uma decisão errada na escolha desta plataforma de e-commerce para causar danos irreparáveis ​​ao desempenho da loja virtual e à reputação junto ao mercado e aos clientes.

Em sua forma mais simples, uma plataforma de e-commerce permite que as empresas vendam produtos e serviços on-line. Porém, com a evolução da tecnologia nos últimos anos, uma nova geração de software empresarial integrada ao comércio eletrônico tem apresentado todas as funcionalidades comerciais necessárias em uma única solução.

Imagine uma plataforma de e-commerce que permite ao time de atendimento ter uma visão única de um cliente em todos os pontos de contato? E um sistema centralizado de pedidos e gerenciamento de estoque que pode atender de forma eficiente os seus canais de vendas, incluindo lojas físicas? E utilizar os dados históricos dos clientes para fornecer ofertas personalizadas e relevantes.

Todas essas possibilidades se tornam realidade com o advento de uma plataforma completa de comércio eletrônico para a otimização dos negócios e a melhoria da eficiência nas vendas, bem como o aperfeiçoamento do envolvimento e satisfação do cliente, que são possíveis graças ao processo evolutivo da tecnologia e muita inovação.

Com essa nova realidade, as plataformas de comércio eletrônico têm mostrado benefícios fundamentais ao negócio, refletidos em resultados positivos e perspectivas de crescimento futuro. Veja as seis vantagens de uso destas ferramentas:

1. Plataforma unificada - elimina a falta de integração ou a dependência de sistemas que atendem setores como contabilidade, gerenciamento de inventário e pedidos, marketing, atendimento ao cliente e financeiro.
2. Fornece uma visão 360° do cliente - oferece experiências cross channel consistentes e personalizadas, marketing direcionado e atendimento ao cliente, com uma visão única das interações e transações com clientes em todos os pontos de contato e canais.
3. Gerenciamento inteligente de pedidos - excede e define novas expectativas do cliente para compras, tanto online quanto nas lojas físicas, maximizando a lucratividade, centralizando o gerenciamento de pedidos e tendo uma visão única do estoque em todos os canais e unidades de negócios da cadeia de suprimentos.
4. Experiências inovadoras aos clientes - cria experiências personalizadas e atraentes para diferenciar sua marca e superar as expectativas dos clientes, seja na web, nos aplicativos ou em lojas exclusivas.
5. Suporte à expansão ilimitada - implementação rápida de sites para vários modelos de negócios, canais, marcas, países, moedas e idiomas na mesma plataforma.
6. Desenvolvimento de app próprio - integrado à plataforma de e-commerce, permite atender aos hábitos de mobilidade dos consumidores além de maximizar as vendas on-line. O modelo de negócios de comércio eletrônico é incrivelmente lucrativo, não apenas para os empreendedores, mas também para as plataformas que ajudam essas empresas a escalar os seus negócios para resultados muito além dos esperados.

Portanto, antes de cometer erros básicos que podem comprometer o sucesso do negócio, você deve selecionar a plataforma de e-commerce certa para a sua loja virtual, baseada em critérios como suporte online, implantação ágil, equipe disponível para soluções de problemas etc. Lembre-se: sua solução deve incluir todas as principais funções do negócio e as características necessárias para garantir a expansão sustentável no futuro.

* Rafael Martins é CEO da LifeApps, empresa do Grupo Máxima responsável por plataformas de e-commerce
Compartilhe on Google Plus

Postado por Fernando Lagreca

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia