Canonização de Irmã Dulce





O retrato oficial da primeira Santa brasileira, exposto na Basílica de São Pedro, onde foi canonizado pelo Papa Francisco, neste domingo (13/10), Irmã Dulce. Seu dia no calendário será celebrado todo 13 de agosto.  Uma das belas passagens sobre sua vida e peregrinação a favor dos pobres:
Certa vez Irmã Dulce estava em uma feira-livre de Salvador e pedia de feirante em feirante comida para suas crianças. Ao chegar em uma barraca, estendeu a mão e pediu:
– Comida para minhas crianças.
O feirante de forma grosseira cuspiu em sua mão. Dulce limpou o cuspe em sua roupa e disse:
– Essa cuspida foi para mim! E para minhas crianças, o senhor tem algo?
Durante sua vida, Irmã Dulce pegou a cruz oferecida por Cristo e seguiu fielmente o que ele disse: “Na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.”. Jo 14.12.

Compartilhe on Google Plus

Postado por Fernando Lagreca

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia