Atletas cearenses são medalhistas nos Jogos Parapan Americanos de Lima 2019


Tênis de Mesa, Natação, Bocha, Basquete e Atletismo foram as modalidades que renderam sete medalhas para atletas cearenses

Os Jogos Parapan Americanos de Lima 2019 chegaram ao fim no último domingo (1º), após 11 dias de competição. Foram 33 países e 1.890 atletas disputando o pódio, em busca da consagração entre os melhores atletas das Américas em 17 modalidades diferentes.

O Brasil chegou à competição com a maior delegação do certame, ao todo foram 512 integrantes sendo, 337 atletas de 23 estados mais o Distrito Federal. Contribuindo com o grupo brasileiro estavam os cearenses Francisco Wellington de Melo e David Andrade de Freitas, do Tênis de Mesa; Edenia Nogueira Garcia, na Natação; Maciel de Souza Santos, Bocha; Oara Uchoa Assunção, Basquete; Francisco Jefferson de Lima e Clariene Abreu da Silva, na modalidade de Atletismo; além de Francilídio de Andrade Soares, que esteve na Comissão Técnica brasileira.

Essa edição dos Jogos Parapan Americanos teve um sabor especial para a equipe brasileira, pois além de terminar a competição em primeiro lugar no quadro de medalhas pelo quarto ano consecutivo, os atletas conseguiram chegar a marca de 308 medalhas, entre as quais foram 124 de ouro, 99 de prata e 85 de bronze. Vale ressaltar que nunca nenhum país somou tantas vitórias em uma única edição de Parapan.


Contribuindo com esse importante resultado, os cearenses trouxeram para casa sete medalhas em cinco modalidades distintas: medalha de ouro para o atleta Maciel Santos, na Bocha BC2, e prata com a equipe brasileira de Bocha na categoria BC1/BC2; Medalha de Prata para o cearense David Freitas no Tênis de Mesa por equipes classe 3-5 e Ouro para Francisco Wellington na classe 6-8; Medalha de Bronze para Francisco Jefferson no lançamento de dardo F44; Medalha de Ouro na Natação 50m costas S3 para a cearense Edênia Garcia e medalha de Bronze para a equipe de Basquete que contou com a cearense Oara Uchôa, consagrando também Francilídio Andrade, medalhista como auxiliar técnico.

A secretária Executiva do Esporte, Jade Romero, falou sobre a participação dos atletas na competição. “Todos os atletas cearenses que foram representar o Brasil nesse Parapan orgulharam muito o nosso Estado. Com certeza eles vão continuar trabalhando com todo o apoio que a Secretaria do Esporte e Juventude pode oferecer para que nós os tenhamos representando o Ceará e o Brasil nas Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio 2020 de Tóquio no ano que vem”, declarou Jade na recepção dos atletas no aeroporto de Fortaleza.

Competição multidesportiva para pessoas com deficiência, os s Jogos Parapan-Americanos são realizados com base nos Jogos Pan-Americanos e acontecem a cada quatro anos.
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia