Prêmio da ABRAJET-PA abre espaço para turismo de contemplação






O turismo de contemplação é dos segmentos que ganha cada vez mais adeptos no Brasil. Uma das características desse tipo de turismo, é o contato com a natureza, onde o turista pode respirar o ar puro, sentir o cheiro da terra molhada, apreciar a paisagem e contemplar o pôr do sol.
No Brasil os destinos mais procurados são o Delta do Parnaíba (PI, MA e CE), Chapada Diamantina (BA), Araguaia (MT), Bonito (MS) e Anavilhanas (AM).

O estado do Pará tem cenários deslumbrantes que se encaixam nesse segmento sustentável. Pensando nisso, a Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo do Pará (AbrajetPa) criou duas categorias no V Prêmio de Jornalismo em Turismo "Comendador Marques dos Reis" que se enquadram nessa categoria: fotojornalismo e mídias sociais. 
  
As inscrições para o prêmio estão abertas nos sites www.abrajetpara.com.br ou www.encomtur2019.com.br. Haverá premiação para as categorias: jornalismo impresso, online, telejornalismo, radiojornalismo e fotojornalismo. Serão premiados os melhores trabalhos de cada categoria profissional publicadas de 1º de julho de 2018 a 31 de outubro de 2019.

Nesta edição, serão premiados os internautas que tiverem imagens publicadas, entre 10 de julho a 31 de outubro de 2019, com a hashtag: #premiodejornalismoemturismo, no Instagram, Facebook ou Twitter. O prêmio para essa categoria serão três pacotes turísticos para o Arquipélago do Marajó”, o melhor destino para o turismo de contemplação no estado.

O turismo de contemplação está diretamente relacionado à satisfação de viver e sentir a natureza. A modalidade visa a preservação do meio ambiente e oferece aos turistas uma experiência inesquecível.
“Estar em sintonia com o meio natural é o que os turistas estão buscando. E o Pará é um estado rico em lugares com paisagens naturais exuberantes, para essa prática”, pontua a presidente da Abarajet Pará Christina Hayne.

Segundo especialistas do trade turístico brasileiros a felicidade atingida pela contemplação nos dá condições de exercitar a liberdade interior, a liberdade de escolhas para nosso próprio bem e para o bem comum.

O turismo de contemplação, portanto, trará como retorno a preservação do meio ambiente, asseguram.

Compartilhe on Google Plus

Postado por Fernando Lagreca

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia