EMBRATUR FIRMA PARCERIA COM MIAMI PARA A PROMOÇÃO TURÍSTICA DO BRASIL



Em mais um dia de missão na Flórida, os representantes brasileiros se reuniram com agentes governamentais e gigantes do trade turístico norte-americano, que se colocaram à disposição para divulgação de ações do Instituto


Presidente da Embratur ao centro em encontro com representantes do Escritório de Desenvolvimento Econômico e Comércio Internacional do Condado de Miami-Dale

A comitiva da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), que está em missão na Flórida, iniciou  um encontro com o presidente do Escritório de Desenvolvimento Econômico e Comércio Internacional do Condado de Miami-Dale, Manny Gonzalez, que se disponibilizou para cooperar com o Instituto em ações de marketing que tenham Miami como foco, e principalmente, o aeroporto. A reunião também contou com a presença de Ernesto Rodrigues, chefe da Divisão de Marketing do Aeroporto de Miami. A cidade norte-americana concentra a maior malha aérea internacional dos EUA.

Ainda nesta quarta, os representantes da Embratur se reuniram com o presidente da Royal Caribbean Internacional, Michael Bayley. Segundo ele, a empresa marítima, que deixou de operar no Brasil, já foi responsável por trazer 600 mil turistas por ano para os destinos brasileiros, o dobro de todos os turistas que chegam de cruzeiro atualmente no país. "O excesso de rigor das legislações trabalhista, tributária e ambiental dificultam a volta da Royal Caribbean ao Brasil", afirmou Bayley. Ele acrescentou, ainda, que não há previsão de navios da companhia atracarem no país para os próximos 18 meses. "Em cada viagem, um só navio de cruzeiros, deixa de levar ao Brasil cerca de seis mil turistas", informou. Para o presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, as palavras do CEO da Royal Caribbean "são um retrato fiel da situação recente do turismo no país. O Brasil é a melhor estória de sucesso que nunca aconteceu", destacou.


Encontro com o o presidente da Royal Caribbean Internacional, de cruzeiros marítimos

A equipe da Embratur, representada pelo presidente Gilson Machado Neto, se encontrou com Corinna Keller, vice-presidente para a América Latina da rede de televisão CNN. Corinna apresentou sugestões de planejamento midiático nos países que fazem parte da cobertura da emissora. Machado aproveitou para sugerir pautas jornalísticas positivas sobre o Brasil. 

A visita nos EUA para troca de experiências, divulgação das ações promocionais da Embratur, especialmente a divulgação da medida para isenção de vistos para norte-americanos, australianos, canadenses e japoneses, é realizada pelo presidente da Embratur, o diretor de Marketing e Relações Públicas do Instituto, Osvaldo Matos, o coordenador de Publicidade e Propaganda, Sílvio Nascimento, o assessor da Presidência, Rafael Luisi, e o servidor Arthur Grimaldi.
Compartilhe on Google Plus

Postado por Fernando Lagreca

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia