Aeroporto Internacional Pinto Martins já apresenta uma nova feição

    Aeroporto Internacional Pinto Martins de Fortaleza (Foto:Divulgação)

O Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, sob a administração da FRAPORT, já apresenta uma nova feição. Tudo começou em março de 2017, quando o Governo Federal concedeu o terminal à iniciativa privada.

A FRAPORT foi a vencedora e ganhou a concessão por 30 anos. Durante os três primeiros meses de 2018, a empresa foi supervisionada pela Empresa Brasileira da Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Na última vez que estive no Aeroporto de Fortaleza, fiquei impressionado em ver as equipes trabalhando na renovação do terminal durante 24 horas, estilo alemão de trabalhar e sendo pela primeira vez aplicado no Ceará.

A Fraport implantou o Programa de Investimentos Obrigatórios, com  expansão do terminal, a extensão da pista e a reforma do pátio de embarque e desembarque das aeronaves.   Além da reforma e realocação das pistas de táxi, a reformulação do sistema rodoviário, a implementação de um novo sistema de controle de bagagem e de segurança e de 12 pontes de embarque de aeronaves e respectivos pátios.

Até o momento mais de 70% das obras de ampliação estão concluídas. E o Aeroporto está tomando uma feição já completamente diferente, moderna e internacional.

A previsão final de entrega do novo aeroporto está para o fim do primeiro trimestre de 2020, num investimento de R$ 1 bilhão. No próximo dia 25 será entregue a nova área de check-in e recepção do aeroporto (FOTO ACIMA).

E  melhor notícia dada pelo governador do Ceará, Camilo Santana, é que o Pinto Martins terá ainda este ano, cerca de 60 voos internacionais semanais.
 
A Fraport AG Frankfurt Airport Services Worldwide é uma empresa alemã, com sede no Aeroporto de Frankfurt e há mais de 90 anos,  atua na administração, consultoria e operação de aeroportos, que hoje totaliza 31.

Além de Fortaleza, cuja concessão foi de 30 anos, a Fraport também é responsável pelo Aeroporto de Porto Alegre nos próximos 25 anos. 

Compartilhe on Google Plus

Postado por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia