Bolsonaro pretende usar tecnologia de Israel no Nordeste e promete 13º ao Bolsa Família



Por Roberta Monteiro, Revista Fácil 
20 Outubro 2018 

O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) defendeu neste sábado, 20, que, caso seja eleito, “pretende fazer uma excelente reforma política” e acabar com o “instituto da reeleição”. falou também que, como parte dessa reforma, vai reduzir o número de deputados. “Quero diminuir um pouco, em 15%, 20%, a quantidade de parlamentares”, declarou. 

Jair Bolsonaro durante entrevista a jornalistas na casa do empresário do Paulo Marinho,no Rio de Janeiro
  Foto: Roberta Monteiro/Revista Fácil
No programa eleitoral, Bolsonaro fala sobre uma parceira com Israel para agricultura, irrigação e semiárido nordestino. 

"Estive lá há dois anos, essa semana estive com o embaixador de Israel novamente. Eles querem colaborar conosco. Eles confiam em mim e eu confio neles. A agricultura, eu tenho conversado muito com eles, tendo em vista a condição de Israel, chove menos que o semiárido nordestino e trazer essa tecnologia pra cá, pra libertar o nordestino daqueles velhos políticos locais que os escravizam a vida toda com politica que não são definitivas. Eles querem colaborar no tocante a dessalinização a água do mar, como água salobra que podem vir dos poços artesianos. Visitei a questão da piscicultura deles, como eles criam peixes no deserto, que pode fazer a mesma coisa aqui. Então a vinda da tecnologia de Israel que já existe em alguns locais do mundo, na África, já existe no Brasil uma ponta disso, pode ser implementado com muita força no Nordeste, conclui.

O programa eleitoral desta semana foi direcionado aos eleitores do Nordeste, onde ele perdeu para Fernando Haddad no primeiro turno. Bolsonaro pretende melhorar o Programa Bolsa Família e acrescentar o 13º, apesar da dificuldade econômica no país. 

"Combatendo a fraude no próprio programa em si . É comum você ter notícia quando há uma auditoria tem centenas de vereadores, alguns até empresários e comerciantes ganhando bolsa família, afirma". 

A entrevista foi dada na casa do empresário Paulo Marinho, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio de Janeiro, onde estão sendo gravados os programas da campanha.

Compartilhe on Google Plus

Postado por Roberta Monteiro

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia