Toyota celebra a marca de um milhão de unidades do Corolla produzidas no Brasil




Modelo líder no segmento de sedãs médios no País é produzido pela fábrica da marca no município de Indaiatuba (SP) desde 1998.




A planta da Toyota em Indaiatuba (SP) atingiu a marca histórica de 1.000.000 de unidades produzidas do sedã médio Corolla no Brasil. A unidade comemorativa, que saiu da linha de montagem em 23 de março deste ano, é um Corolla Altis 2018 na cor branco pérola, que desfila o design renovado e mais moderno recentemente incorporado a toda linha, acompanhado de novos itens de conforto, conveniência e segurança.

Inaugurada em setembro de 1998, a planta da Toyota naquele município conta, atualmente, com cerca de 2.000 colaboradores. A instalação da fábrica em Indaiatuba foi preponderante para o início de uma nova fase na história da companhia no País. Ao produzir o Corolla localmente, a Toyota consolidou sua estratégia, tendo em vista o fortalecimento e crescimento sustentável de toda a operação na região da América Latina e o reforço de seu compromisso no suporte ao crescimento da indústria brasileira.

Símbolo do DNA de Qualidade, Durabilidade e Confiabilidade, o Corolla fabricado na planta de Indaiatuba atesta o know-how da Toyota na construção de carros cada vez melhores, verdadeira ambição da marca em todo o mundo.


A planta da Toyota em Indaiatuba (SP) atingiu a marca histórica de 1.000.000 de unidades produzidas do sedã médio Corolla no Brasil. A unidade comemorativa, que saiu da linha de montagem em 23 de março deste ano, é um Corolla Altis 2018 na cor branco pérola, que desfila o design renovado e mais moderno recentemente incorporado a toda linha, acompanhado de novos itens de conforto, conveniência e segurança.

Inaugurada em setembro de 1998, a planta da Toyota naquele município conta, atualmente, com cerca de 2.000 colaboradores. A instalação da fábrica em Indaiatuba foi preponderante para o início de uma nova fase na história da companhia no País. Ao produzir o Corolla localmente, a Toyota consolidou sua estratégia, tendo em vista o fortalecimento e crescimento sustentável de toda a operação na região da América Latina e o reforço de seu compromisso no suporte ao crescimento da indústria brasileira.

Símbolo do DNA de Qualidade, Durabilidade e Confiabilidade, o Corolla fabricado na planta de Indaiatuba atesta o know-how da Toyota na construção de carros cada vez melhores, verdadeira ambição da marca em todo o mundo.

Como qualidade é fator primordial para a Toyota, a empresa mantém uma pista de testes, localizada no entorno da fábrica, onde engenheiros do departamento de controle de qualidade realizam experimentos constantes para certificação da excelência do modelo produzido. O circuito possui mil metros de extensão e 4,2 metros de largura, possibilitando a verificação, inclusive, de possíveis aprimoramentos no produto.

“Este é mais um fantástico marco para a Toyota do Brasil e nossos parceiros, fornecedores e concessionários. Atingir a marca de um milhão de unidades produzidas do Corolla só foi possível devido à lealdade dos nossos clientes no Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Assim, vamos continuar trabalhando para chegarmos a dois milhões de veículos produzidos”, diz Steve St.Angelo, CEO da Toyota para América Latina e Caribe e Chairman da Toyota do Brasil.

Sustentabilidade

O cuidado com o meio ambiente e a propagação de boas práticas para preservação dos recursos naturais são, também, pontos cruciais na atuação da Toyota em Indaiatuba. Junto à prefeitura local, a fabricante mantém e gerencia diversas ações em prol da comunidade, como o Projeto Ambientação. Por meio da iniciativa, a Toyota visa disseminar práticas sustentáveis utilizando a metodologia TBP (Toyota Business Practice) para alunos da rede municipal de ensino, entre quatro e dez anos de idade.

A ferramenta é útil na criação de projetos que promovam a educação em relação à essência das questões ambientais, como o consumo consciente de recursos naturais (água e energia elétrica) e o gerenciamento de resíduos dentro das escolas, na comunidade e em entidades.

Corolla no Brasil

As primeiras unidades do Corolla desembarcaram no Brasil em 1994, quatro anos após o início da abertura de importação no segmento de automóveis no País. Tais mudanças na legislação brasileira em relação ao comércio internacional de veículos assegurou a chegada das primeiras unidades do Corolla no território nacional, importadas do Japão.

Já nos três primeiros anos de vendas no mercado, a Toyota observou um crescente interesse dos consumidores pelo sedã, que já despontava como líder de seu segmento em vários países ao redor do mundo. O aumento constante da demanda apoiou o plano da fabricante para viabilizar sua produção local. Tanto que, em 1997, a empresa anunciou aporte de US$ 150 milhões para construção da planta que daria início à produção do Corolla brasileiro.

Para escolha do local que abrigaria o primeiro complexo a fabricar o sedã em solo latino-americano, já em sua oitava geração, a Toyota levou em consideração os aspectos logísticos e da qualificação de mão de obra ao selecionar o município de Indaiatuba (SP). A cidade entrou para o mapa da indústria automobilística global em 1998, ano de inauguração das operações, ao ceder um espaço de 1,5 milhão de m2, onde a Toyota baseou uma de suas principais unidades produtivas no mundo.

Desde então, o Corolla vem se destacando como um dos veículos de maior sucesso em vendas de seu segmento em todo o Brasil, com mais de 765 mil unidades negociadas até os dias de hoje. Só em 2016, o veículo fechou com 64.734 veículos vendidos, mantendo a liderança absoluta entre todos os sedãs médios nacionais, com quase 50% do total de emplacamentos nesta fatia de mercado.

Neste ano, o Corolla continua líder em seu segmento e já soma 12.937 unidades comercializadas de janeiro a março, com 44% de market share.

Linha Corolla 2018

A linha 2018 do Corolla apresenta novo design e uma lista de itens de conforto, conveniência e segurança ainda mais recheada, aprimorando o seu estilo clássico e refinado. O modelo mantém sua qualidade construtiva exclusiva e powertrain robusto, o que garante excelente dirigibilidade, amplo espaço interno ao alto padrão Toyota de Qualidade, Durabilidade e Confiabilidade.

Uma das novidades que a Toyota traz na linha 2018, ao ponto de atrair novos admiradores, é a introdução da versão XRS, equipada com itens exclusivos, como aerofólio traseiro, saias esportivas, ponteira de escapamento cromada e interior na cor preta. Além disso, o Corolla 2018 passa a contar com controle de estabilidade, tração, assistente de subida e sete airbags para toda a linha, reforçando ainda mais a segurança do modelo, que já recebeu cinco estrelas nos testes de colisão do Latin NCap.

História pelo mundo

Fundada em 1937, a Toyota Motor Corporation nasceu com o objetivo principal de contribuir para o desenvolvimento da indústria automobilística no Japão. Três décadas depois, nasceria o modelo Corolla, projeto cuidadosamente arquitetado para suprir o crescimento do interesse da população pelos carros.

Assim, o design da primeira geração do sedã adotou como base o conceito “80 Point Doctrine +α”, que estipulava ao veículo atingir média de 80 pontos dentro de uma escala que variava no máximo até 100, considerando, ainda, algumas características extras específicas, denominadas de +α, para conceder ao modelo recursos adicionais à sua aparência e destacar os pontos que superassem as expectativas dos consumidores.

Ao longo das últimas cinco décadas, e após toda a evolução em 11 gerações do Corolla, a Toyota continuou a aplicar este conceito de maneira consistente para todos os seus modelos vendidos no mundo.

Foi assim que a primeira geração do Corolla nasceu no Japão, em 1966. Atualmente, o sedã médio é produzido em 13 países e comercializado em 150. Desde o início de sua produção, o Corolla soma mais de 44 milhões de unidades vendidas em todo o mundo, tornando-se o veículo mais vendido de todos os tempos.
Compartilhe on Google Plus

Escrito por Mario Pinho

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia