Bahia inicia atualização de mapa turístico



Até o final de maio, a Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) realiza oficinas com a participação de representantes de municípios, visando à atualização do mapa turístico que reúne 118 municípios. Os grupos de trabalho traçam os perfis dos municípios e analisam o desempenho da economia do turismo com o objetivo de facilitar o posterior planejamento de ações de desenvolvimento nesta área.

Secretários e diretores de turismo dos municípios da Baía de Todos os Santos e das costas dos Coqueiros, do Dendê e do Cacau já participaram dos encontros, quando são apresentados a metodologia proposta pelo Ministério do Turismo (MTur) para a classificação das cidades, os procedimentos e prazos a serem cumpridos para a consolidação das informações no Mapa Turístico Brasileiro.

O mapeamento fornece subsídios ao MTur para o desenvolvimento de políticas públicas voltadas para o setor, tendo como foco a gestão, estruturação e promoção do turismo nos destinos brasileiros. É um importante instrumento de planejamento e alocação de recursos.

Para ser classificado como município turístico é necessária a existência de um órgão municipal de turismo e a comprovação de dotação orçamentária para investimento neste setor. Um conselho municipal de turismo em atividade e a assinatura de um termo de compromisso para realização das ações necessárias e adesão ao Programa de Regionalização do Turismo também estão entre os requisitos.

O processo de atualização do mapa prevê a categorização dos municípios a partir de critérios que traduzem a dimensão da economia do turismo. São quatro as variáveis para a classificação nas categorias A, B ou C: número de empregos formais no setor de hospedagem; número de estabelecimento formal no setor de hospedagem; estimativa do fluxo turístico doméstico e a estimativa do fluxo internacional.

Calendário – As oficinas são realizadas semanalmente. Na próxima quarta-feira (26 de abril), será a vez das Costas do Descobrimento e das Baleias. Em maio, serão contempladas as zonas Caminhos do Sertão e do Jiquiriçá (03/05); Vale do São Francisco e Lagos e Cânions do São Francisco (10/05); Caminhos do Oeste e do Sudoeste (17/05); e Chapada Diamantina (24 e 31/05).

Dos 417 municípios baianos, o Mapa do Turismo Brasileiro contemplou 118 cidades, distribuídas entre 13 zonas. O processo em andamento segue critérios fixados pela portaria número 268/ 2016, que determina a atualização do mapa a cada dois anos, coincidindo com o início das novas gestões estaduais e municipais.

Por Ana Paula Cabral/Setur
Compartilhe on Google Plus

Escrito por Mario Pinho

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia