Presidente da CVC culpa governo baiano por crise do turismo no Estado


Guilherme Paulus comanda a maior operadora de turismo da América Latina e principal vendedora da Bahia no mercado nacional

Presidente da CVC, maior operadora de turismo da América Latina, Guilherme Paulus esteve em Salvador, nesta quarta-feira,9, para uma homenagem da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira da Bahia (ABIH-BA), durante Jantar que comemorou o Dia do Hoteleiro. A homenagem prestada pelo presidente da ABIH-BA, Glicério Lemos, foi em reconhecimento ao apoio incondicional da CVC e do grupo GJP Hotels &Resorts, do qual Paulus também é presidente e, na Bahia, detém o Hotel Sheraton.

Em seu discurso de agradecimento, o empresário, que comanda a operadora que mais vende a Bahia no mercado nacional, não poupou críticas ao governo estadual pela condução do turismo. "A Bahia e o único estado brasileiro que tem dez destinos fortes, mas o governo acabou com o turismo. A prefeitura vem trabalhando, mas o governo do Estado, não. E temos que ter coragem pra falar a verdade”, frisou Paulus para uma plateia atenta e formada por autoridades, políticos e empresários do turismo. 

Guilherme Paulus também comentou a situação critica a que chegou o Centro de Convenções, culpando o governo pelo total descaso com o equipamento a ponto dele ter desabado. “Pagamos impostos e este dinheiro tem que retornar em melhorias para o setor. Caso contrário, vamos morrer como está morrendo vagarosamente o destino. E Salvador sofre ainda mais com tudo isto”, disse incentivando os empresários a “protestar na porta do governo. Se outros fazem isso porque nós não? Governo não quebra, mas empresário sim. Precisamos perder a vergonha e falar as verdades. Batalhar e brigar. Temos que nos unir porque uma andorinha só não faz verão", pontuou sob aplausos dos presentes.

por Sara Barnuevo
Compartilhe on Google Plus

Postado por Mario Pinho

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia