FARMÁCIAS PAGUE MENOS ESPALHAM O VERDE EM MACEIÓ





Recursos obtidos com a venda de produtos são
destinados ao plantio de mudas nas ruas das cidades.

Cinco municípios brasileiros serão contemplados
pela quinta edição da Campanha Cidade Verde.

No próximo sábado, 22 de outubro, toda a comunidade de Maceió (AL) está convidada a colocar a mão na terra durante a 5ª Campanha Cidade Verde, promovida pelas Farmácias Pague Menos. A ação de plantio de mudas ocorrerá a partir das 8h, na Praça do Centenário, situada na Av. Fernandes Lima, no bairro do Farol.

O projeto também acontecerá em outras quatro capitais brasileiras: São Luís (MA), Natal (RN), Recife (PE) e Rio Branco (AC). A ação foi viabilizada a partir dos recursos obtidos na venda de produtos com o selo Produto Amigo da Natureza, nas mais de 920 lojas da rede espalhadas por todo o território nacional, entre os dias 28 de agosto e 29 de setembro.

Com a orientação de profissionais especializados e representantes da Prefeitura Municipal, serão plantadas 100 mudas de espécies nativas de reflorestamento. “Nosso compromisso com a saúde e o bem-estar engloba também a preocupação em beneficiar e integrar as comunidades dos municípios onde estamos presentes. Campanhas como aCidade Verde estimulam o senso coletivo e a cidadania, colaborando para um futuro mais sustentável”, argumenta a diretora de marketing e vendas Patriciana Rodrigues.

Campanha Cidade Verde em Maceió (AL)

Data: 22 de outubro, sábado
Hora: 8h
Local de plantio:
Praça do Centenário (Av. Fernandes Lima, Farol)

Sobre as Farmácias Pague Menos

As Farmácias Pague Menos são a primeira rede varejista presente nos 26 estados da Federação e no Distrito Federal. Mantêm um crescimento médio anual (CAGR) de 18% nos últimos dez anos, um dos maiores índices de crescimento contínuos do Brasil. Contam hoje com mais de 920 lojas, mais de 400 unidades do Clinic Farma e 21 mil colaboradores que atuam em cerca de 320 municípios.
Compartilhe on Google Plus

Postado por MARIO

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia