O BRASIL NAS OLIMPÍADAS VISTO DA ESPANHA

O BRASIL NAS OLIMPÍADAS VISTO DA ESPANHA


A cerimonia de abertura dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro vista daqui da Espanha nos enche de orgulho. O Brasil verde, amarelo e azul se converteu neste verão em protagonista da moda aqui na Europa. Os europeus como o resto do mundo estão atentos ao pais da garota de Ipanema e da bossa nova.

Acompanhando os jogos daqui percebo que o espanhol tem esperança de ganhar pelo menos 11 medalhas, o mesmo numero que nas Olimpíadas de Londres de 2012.

Outra novidade nas vitrines e salões de beleza, é a maquilagem nas cores da Auriverde bandeira brasileira. As sombras dos olhos e esmaltes de unhas mais solicitadas estão sendo em tons azuis, verdes e amarelos. As três tonalidades formam a opção cromática mais disputada deste verão.


Com o desfile de Gisele Bündchen ao som de Garota de Ipanema interpretado ao piano pelo neto de Tom Jobim, as revistas de moda da Espanha não cansam de elogiar o corpo escultural das modelos brasileiras.

Agora existem três supermodels brasileiras multimilionárias: Gisele Bündchen, Alessandra Ambrósio e Adriana Lima. E outras já estão na lista para serem as próximas e que já estão com contratos milionários: Isabeli Fontana, Fernanda Tavares, Raica Oliveira, Ana Beatriz Barros, Izabel Goulart e Fernanda Motta.

Lendo a revista Yo Dona do Jornal El Mundo de Madri, que dedicou a reportagem de capa ao Brasil, com o titulo de Rumo ao Rio, da edição de 30 de julho de 2016, fico surpreso com as mulheres influentes brasileiras influentes no momento.

Nada de Dilma Rousseff, os nomes surpreendem. Com exceção de Maria da Penha, a cearense que hoje é nome de lei que aumenta as penas por violência domestica contra a mulher, as demais eu não tinha ouvido falar. São elas: Cristiana Bento, Nicilene Miguel de Lima e Anna Bispo.

A Cristiana Bento foi a delegada que coordenou a investigação sobre a menor que sofreu estupro coletivo no Rio de Janeiro. A Nicilene Miguel de Lima, foi a líder sindical ameaçada desde 2009 pela luta contra as madeireiras ilegais da Amazônia e que teve sua casa incendiada e a foi a única entre os oito lideres locais que sobreviveu aos ataques e hoje vive na clandestinidade.

E por ultimo Anna Bispo,  a doutora em ciências da virologia da Fundação Oswaldo Cruz, responsável pela descoberta do vírus zika no liquido amniótico das mulheres gravidas e que agora trabalha para descobrir uma vacina.

A revista espanhola conclui citando os lugares cool no Brasil. Todos novo: o Museu do Amanha de Calatrava com uma espetacular cúpula que adentra ao mar na forma de uma nave espacial; o Rio Scenarium onde se realizam concertos no centro da capital carioca; a Tenda Oficial dos Jogos Olímpicos  a beira mar da praia de Copacabana com produtos com preços que variam de 5 a 1500 euros, o  Restaurante Olympe, com uma estrela Michelin e que fica na Lagoa Rodrigo de Freitas e o Rio Design Leblon, o melhor centro comercial com marcas exclusivamente brasileira como Sacada, Osklen, Farm e Maria Fulo.  E como o Brasil está na moda aqui na Europa, o Centro Andaluz da Arte Contemporânea convida a todos para a exibição da obra da artista brasileira Anna Bella Geiger.

Enfim, o estilo, os lugares e o Brasil volta a ser moda na Europa e espero que esta onda não seja passageira e dure muito mais do que os Jogos Olímpicos do Rio 2016.


TEXTO POR - ROGÉRIO ALMEIDA


Compartilhe on Google Plus

Escrito por Rogerio Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Adicione seu comentário sobre a notícia